O Despertar de um sonho

O Despertar de um sonho

DESPERTARAM

segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

Paciência

"Mesmo quando tudo pede um pouco mais de calma
Até quando o corpo pede um pouco mais de alma
A vida não para...
Enquanto o tempo acelera e pede pressa
Eu me recuso faço hora vou na valsa
A vida é tão rara...
Enquanto todo mundo espera a cura do mal
E a loucura finge que isso tudo é normal
Eu finjo ter paciência...
O mundo vai girando cada vez mais veloz
A gente espera do mundo e o mundo espera de nós
Um pouco mais de paciência...
Será que é tempo que lhe falta para perceber?
Será que temos esse tempo para perder?
E quem quer saber?
A vida é tão rara
Tão rara
A vida é tão rara..."

(Lenine e Dudu Falcão)


O que mais me surpreende é encontrar pessoas todos os dias que se sentem imunes a propria vida, não reconhecem  a raridade e a sua fragilidade,  aceleram o tempo e esquecem de viver o que é essencial, vivem de aparência e esquecem da essência.
Antoine de Saint-Exupéry menciona uma frase a qual expressa muito bem: " So se vê bem com o coração, o essencial é invisivel aos olhos;"  Um segundo autor: Francisco Otaviano relata em um poema o que é viver...
"Quem passou pela vida em brancas nuvens
E em placidos repouso adormeceu
Quem não sentiu o frio da desgraça
Quem passou pela vida e não sofreu
Foi espectro do homem
Não foi homem ,
Só passou pela vida
Não viveu."
Pensa-se muito no futuro, na modernidade, globalização, expectativas, mas esquece-se da simplicidade.
Dalai Lama enfatiza de que so há dois dias  na vida em que nada pode ser feito: o ontem e o amanhã...o ontem ja passou e o amanhã ainda não chegou. Portanto,  meus caros leitores  espero em neste ano que se inicia, cada um de nós consigamos encontrar a essência da vida e possamos compreender que Viver não é correr contra o tempo; viver é perceber a simplicidade e quão fragil é a  vida, é aprender, e deixar se envolver nos detalhes, nas alegrias, nos pequenos gestos. Viver é compartilhar da vida, dos momentos, das ações...é acreditar que tudo poderá dar certo , é ter fé, é ser feliz com tudo o que se tem. Viver é esquecer das futilidades e de tudo o que não te faz bem...

 Feliz 2012!

7 comentários:

Thata disse...

Que lindo seu texto, adorei seu blog, jah estou seguindo! Obrigada por visitar meu café com trufa, que bom que gostou, Abraços Thata http://cafecomtrufa.blogspot.com/

Mosaicos de uma vida disse...

Amo essa e outras músicas de Lenine. Neste momento é o que estou precisando, de paciência. E por falar nisso... fone no ouvido para ouvi-la. Vc me deu uma boa idéia!
Valeu a dica

Herlene Santos - DEScomplicando disse...

Adoro esta música ;) Bonito texto e feliz 2012!

Alan Holanda disse...

seu blog é muito bom
adorei o texto
provasetrapacas.blogspot.com

Cicero Edinaldo disse...

A vida é tão rara! Devemos viver cada dia intensamente, no entanto não temos paciência para esperar....esperar um grande amor, uma realização profissional, os desígnios de Deus. Não temos paciência em desfrutar e valorizar os pequenos gestos, atos e representações de carinho! Isso acaba trazendo prejuízos para a nossa vida, uma vida que é tão rara e que a cada dia está sendo mais efémera e sem virtudes.
---
lindo texto reflexivo!

Rejane Ferreira disse...

Muito bonito e verdadeiro seu texto. Seu blog é lindo e agradável, gostei.

Me visita? http://rejane-ferreira.blogspot.com/

Abraços e Feliz 2012 pra você também!

Vassileva F. disse...

LINDOO!