O Despertar de um sonho

O Despertar de um sonho

DESPERTARAM

sexta-feira, 2 de dezembro de 2011

O poder das palavras

 Era uma vez um grupo de sapinhos que decidiram apostar uma corrida. O objetivo era atingir o alto da montanha. Uma multidão assistia o espetáculo, mas ninguém acreditava que os sapinhos alcançariam a meta.Diziam: que pena, eles não vão conseguir chegar lá...
Pouco a pouco, eles foram desistindo, porém, havia um que persistia em continuar a subida. E a multidão continuava gritando: “Que pena, você não vai conseguir! 
Todos entregaram os pontos, menos um, que continuou tranqüilo e confiante.
Ao final da competição o sapinho vencedor foi o persistente. Todos queriam saber como ele havia conseguido se tudo conspirava contra ele. Decidiram perguntar a ele, e descobriram que ele era surdo. Não escutando a platéia, o sapo seguiu firme e não deixou abater por palavras tão desanimadoras.


 Moral da historia:
 Não permita que pessoas negativas e pessimistas derrubem as melhores e mais sábias esperanças do seu coração.
Se todos nós fôssemos mais fiéis aos nossos propósitos na vida, com certeza seríamos como o sapinho surdo e venceríamos as nossa próprias deficiências.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Tudo são escolhas


“Não sou como a abelha saqueadora que vai sugar o mel de uma flor, depois de outra flor. Sou como o negro escaravelho que se enclausura no seio de uma única rosa e vive nela até que ela feche as pétalas sobre ele; e, abafado neste aperto supremo, morre entre os braços da flor que elegeu.”
  (Roger Martin du Gard)


Talvez  não fosse tão difícil ser um escaravelho, se não houvessem tantas tendências e influências em meio a sociedade para que sejamos abelhas.
    Quem de nos esta disposto a pagar o preço da morte para viver da felicidade ?
 Independente do inseto, tudo em nos são escolhas: qual caminho seguir, se é viver ou existir, só cabe a nos. Mas isso tudo é belo ou triste? Pra mim, é ambíguo você estar ao lado de tudo que você quer e simplesmente morrer, não passa de Ilusão, apenas mais uma das inúmeras ilusões; e  se o fim já é uma certeza melhor morrer em meio as flores que se elegeu.

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Caráter

" A grandeza de carácter não consiste em não experimentar emoções; pelo contrário, estas são de ter no mais alto grau; a questão é controlá-las e, ainda assim, havendo prazer em modelá-las, em função de algo mais.¹

(Friedrich Nietzsche)




      A beleza exterior esta a cada dia mais modelável. E é inacreditável como muitas pessoas dão  importância  para o " eu inventado , ou recriado ;"  parecem pouco ou nada se preocupar com a originalidade do ser.
      A moral  vem sendo  pouco a pouco esquecida.  Princípios? que princípios?! A falsidade tomou conta das massas -  mas eu continuo me perguntando:  Até quando conseguiremos suportar conviver nas ruas e nos poderes com essas pessoas de carácter duvidoso?
 Já passou da hora, chega de máscaras, basta de futilidades e que os caráteres se revelem!

terça-feira, 15 de novembro de 2011

Farpas de amor

" Só uma coisa a favor de mim eu posso dizer: nunca feri de propósito. E também me dói quando percebo que feri. Mas tantos defeitos tenho. Sou inquieta, ciumenta, áspera, desperançosa. 
Embora amor dentro de mim eu tenha. Só que não sei usar amor: às vezes parecem farpas." 
(Clarice Lispector)


      Muitas vezes nos deparamos com situações em que passamos uma imagem contraria da qual realmente somos, pensamos ou sentimos. Desabafar agonias, apatias, alegrias e outros sentimentos pode ser muito difícil se escolhermos as pessoas erradas para nos ouvir, tanto quanto se escolhermos  tranca-las dentro de nos. O melhor que se tem a fazer é permitir que os sentimentos estravassem ou pelos olhos, pela boca ou pelas mãos. Farpas, cortes, sangue, dor, medo e brasas também fazem parte do amor, e sempre haverão pessoas que irão se encantar com todas essas fagulhas e inquietudes.
      A muitos  que acreditam na teoria de  que só se odeia alguém que se ama, ou seja, quando se encontra no objeto odiado muito daquilo que se deseja ou se gostaria de ser ou ter. Seguindo essa linha o "invejado", não é odiado e sim muito amado, por tudo aquilo que se tem. 
Da mesma forma é o amor: ele se preocupa, se isola, se tortura, se exalta, se inflama. Somente o descaso e desprezo identificam um desamor.
      Não existe sentimento que de vez em quando não solte algumas faiscas. Ame sem medo, desapegue-se dos pormenores, esqueça a ausência de pingos nos is, e as pessoas que querem te ensinar o que é o amor. Amor não é gramática, matemática e muito menos uma ciência. Cada um ama a sua maneira, a melhor que se tem .
E não esqueça que ate mesmo farpas são capazes de incomodar.

sábado, 12 de novembro de 2011

Parabéns Pai

       Hoje (12/11) é um dia muito importante, por ser a data que marcou o nascimento de uma pessoa mais de que especial, meu pai o sr. Gabi...
Posso com toda certeza dizer que ele é meu grande amigo, um exemplo de homem e pai...dotado de bons e inúmeros exemplos.
     Tenho uma frase, que ouvi na minha adolescência e que jamais esqueci -  em um cenário chuvoso acordei pela manhã, não levantei por que decidi que com chuva não iria a aula,  mas ele como sempre veio bater na porta do quarto e disse para eu levantar, pois já estava atrasada! Eu respondi que não iria devido a chuva, e eis a sua resposta: " Tem que ir; eu vou trabalhar com sol ou com chuva, a sua obrigação é ir estudar, portanto tem que ir com chuva também". Jamais me esqueci dessas suas simples palavras que me mostraram a importância de ser responsável em tudo que se faz.
      A você meu Pai  um feliz aniversário, cheio de saúde, paz, alegria e dinheiro. Que os obstáculos sejam superados sem estresse e que a vida seja generosa para contigo da mesma forma que você sempre foi para comigo e para todos os que te cercam.

                      
Beijos e nunca esqueça do amor gigante que eu sinto por você. 
Saudades.

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Sentimentos e Atos

(...) Somos amantes muito antes de nos encontrarmos com a mulher ou o homem que será objeto do nosso amor. Somos como a criancinha que já ama o seio mesmo antes do primeiro encontro. Somos donos dos nossos atos mas não somos donos dos nossos sentimentos. Somos culpados pelo que fazemos mas não somos culpados pelo que sentimos. Podemos prometer atos. Não podemos prometer sentimentos.
"Eu sei que vou te amar, por toda a minha vida vou te amar..." Lindo e mentiroso. Não se pode prometer sentimentos. Eles não dependem da nossa vontade. Sua existência é efêmera. Como o vôo dos pássaros...(...) ¹
( Rubem Alves)



       O número de pessoas que se dizem escutar a voz do coração é incontável; vivem pelo instinto, o qual é capaz de abalar o emocional e criar vínculos, nem sempre verdadeiros. Quem, ouve o coração vive de emoção e perde a  visão do que é real. 
      Sou bem mais razão, porque o coração não pensa, só bate. Acho que maioria das pessoas deveria ouvir a razão e esquecer um pouco dessa historia do coração, de sentimentalismo intenso que estraga o pensar, coloca-o em segundo, terceiro plano e as vezes nem sequer o coloca no plano;
 A razão faz parte do pensar, do ser, da visão real dos fatos, coisa que a maioria dos corações se recusa a ver, escutar ou aceitar.
        A dessensibilização sistemática, neste caso cairia muito bem, (para aqueles que insistem em só ouvir o coração); ao contrario de que se possa pensar a dessensibilização não tornaria as pessoas frias, mas sim menos sensíveis, menos melosas, menos calorosas, e as tornariam capazes de mediar o espaço entre um e outro gerando um equilíbrio reflector entre entre o pensar e o querer.  Talvez,  esse seja o caminho.

quarta-feira, 2 de novembro de 2011

Quem são os loucos?

" Porque para mim, pessoas mesmo são os loucos, os que estão loucos para viver, loucos para falar, loucos para serem salvos, desejosos de tudo ao mesmo tempo, aqueles que nunca bocejam, e jamais dizem uma coisa corriqueira, mas queimam, queimam, queimam como fabulosos fogos de  artifício explodindo como constelações em cujo centro fervilhante pode-se ver um brilho azul intenso...” 
( Jack Kerouac)

  


 Acho que em determinadas situações, todos já ouviram essas expressões: "cada louco com sua mania", ou "de médico e de louco todo mundo tem um pouco". Pois é,  a verdade é que o mundo inteiro esta cheio de gente maluca inventando e reinventando a vida. Ao ler o trecho acima de Jack Kerouac, fiquei pensando na parcela de loucura que cada um de nos temos... e ao ouvir a música do Raulzito não tive dúvidas sobre a minha percepção.
Para muitas pessoas a loucura e o ser louco possa soar apenas como pessoas desprovidas de saúde mental...mas se olharmos mais adiante iremos perceber que no mundo existem diferentes graus de loucura, lógico que muitos estão em um grau de loucura muito avançado e vivem perturbados, esses são habitualmente chamados de doentes. O fato é que, existem muitos outros que estão soltos por ai, se esforçando para serem sujeitos normais.   
           Para mim louco é aquele que se incomoda, que reclama, inflama, se tortura, que vive tentando enlouquecer a todos os outros loucos que estão em sua volta; é quem escreve achando que suas palavras tem total razão; é quem acha que leva uma vida normal; quem não tem imaginação suficiente para dar continuidade a vida, quem mata e se mata; quem quer ter liberdade e a perde por exagerar na dose dos vícios...
         Louco é aquele que tem medo da morte e esquece de viver o melhor da vida; é quem não consegue ser feliz com tudo o que  tem; é quem não corre atrás, não busca novos desafios, é quem se contenta com o pouco mesmo que esse pouco seja o nada; é quem não mostra a cara, é quem vive atrás de máscaras; quem finge ser feliz; quem se preocupa com a vida de terceiros; quem vive de fantasias e de um mundo imaginário; quem acorda todo dia, para a mesma vida, a mesma rotina, os mesmos sonhos, e até o mesmo, o mesmo desabor. 
           Louco é quem finge ser o que não é; é quem só consegue enxergar o seu próprio umbigo; quem aceita tudo; quem nunca perde a linha, ou quem a perde sempre; louco é quem acha que é normal, que é igual, ou que pode ser diferente; é quem acredita que pode ser melhor, ou acredita ser sempre o pior;  é quem vive da mentira, da mediocridade, da solidão ou da multidão sempre;  é quem vive no vazio, é quem para no caminho.
           Louco é quem para a vida para cultuar a morte;  é quem cai e não levanta; não sonha por medo de desilusão; quem tem medo da noite e do clarear do dia; quem não é solidário; quem vive da miséria; quem se faz de rico; quem se vê sem medo dos venenos; quem vive sem sonhos, sem emoções, sem beijos e abraços, quem passa pela vida feito folha caída, quem tem medo do insondável, quem pensa demais no futuro (que na verdade nem se sabe se vai chegar). 
            Loucura é viver só de lembranças, é esquecer o hoje; é perder as oportunidades; é não ter simplicidade; é não amar e não deixar ser amado; é se tornar amargo diante das circunstâncias adversas da vida, é desistir do sucesso; é aceitar o fracasso; é permitir se deter no primeiro obstáculo, é não seguir com a vida em frente; é não ter vontade de encontrar beleza em jardins, em amores, em amizades...é quem não perdoa e não aceita ser perdoado...
           Esperar que todos nos consigamos controlar a nossa  maluques seria loucura, então o melhor é acreditar que a maioria de nos só iremos cometer as boas loucuras, e que sempre iremos encontrar grandes loucos o suficiente de nos impedir de cometermos as grandes insanidades.
E como Raul Seixas dizia: " vou ficar, ficar com certeza Maluco beleza..."

domingo, 30 de outubro de 2011

O Inacabado


O que obviamente não presta sempre me interessou muito. Gosto de um modo carinhoso do inacabado, do malfeito, daquilo que desajeitadamente tenta um pequeno voo e cai sem graça no chão. 
(Clarice Lispector)



            A sensação da aceitação pelo imperfeito ou inacabado se dá apartir do desejo do ser humano em contribuir para a finalização do mesmo... ninguém nesse mundo é perfeito, embora existam algumas pessoas que estão mais propensas a ser.  
Um dia você se depara com dom de gostar de "gente como a gente", e é ai,  que a consciência se manifesta por meio do corpo que não se pode ser tocado, mas em um segundo momento, a vaidade, mexe naquilo que não se sabe como brotou indicando devoção em arrematar tudo que  o a consciência questiona como obra. Dessa forma, parece que deixar acontecer é mais respeitoso do que tentar dar minúcias. 
           O inacabado, o imperfeito tem muito a ver com o presente. E quem não gosta de viver o presente, mesmo com suas imperfeições, perigos, aventuras ou atos mal acabados?
Há quem acredite que o homem já esteja pronto. Eu tenho absoluta certeza de que ainda não estamos. Que somos todos obras inacabadas e imperfeitas necessitando de muitos ajustes e principalmente evolução.
Enfim, cada um possui um sistema padronizado ou não de comportamento. Somos o que pensamos que somos e talvez não estejamos ainda totalmente convictos desta certeza.





sábado, 29 de outubro de 2011

Amigos de verdade

Quero ser o teu amigo. Nem demais e nem de menos.
Nem tão longe e nem tão perto.
Na medida mais precisa que eu possa.
Mas amar-te sem medida e ficar na tua vida,
Da maneira mais discreta que eu souber.
Sem tirar-te a liberdade, sem jamais te sufocar.
Sem forçar tua vontade.
Sem falar, quando for hora de calar.
E sem calar, quando for hora de falar.
Nem ausente, nem presente por demais.
Simplesmente, calmamente, ser-te paz.
É bonito ser amigo, mas confesso: é tão difícil aprender!
E por isso eu te suplico paciência.
Vou encher este teu rosto de lembranças,
Dá-me tempo, de acertar nossas distâncias…

(Fernando Pessoa)


"Costumamos dizer que amigos de verdade são os que estão ao seu lado em momentos dificeis...Mas não!
Amigos verdadeiros são os que suportam a tua felicidade!
Porque em um momento dificil qualquer um se aproxima de você.
Mas o seu inimigo jamais suportaria a sua felicidade."
 
(Padre Fábio de Mello)

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Carência de pessoas

"A gente precisa é de fé. E de pessoas. Porque eu me sinto meio vazia de pessoas, pessoas dessas que fazem festa na gente, que fazem a alma bater palmas. Pessoas que entendam esse meu jeito de não fazer muito alarde, de chegar sem espantar as borboletas. Eu tenho uma joaninha no dedo indicador e essa sensibilidade ardendo nos ombros desde muito tempo..."  

(Jaya Magalhães)
   

 
O mundo parece estar carente de pessoas... dessas que sabem se doar, ouvir, falar, ficar em silêncio. Pessoas que saibam marcar, agir, ou simplesmente parar por um instante... que venham sem máscara, que se aproximem sem segredos, sem mistérios, sem medos. Esta carente é de amizades verdadeiras, sorrisos sinceros, abraços fortes e de pessoas que saibam expor sentimentos, cheias de carisma, de sorrisos contagiantes, de ternura e simpatia, de vozes acolhedoras, sensíveis e amáveis que entoam palavras benéficas repletas de entusiasmo.
O que ta faltando é amor, sentimentos bons, respeito, gentileza , honestidade, carinho,paz e cidadania. Em contrapartida, ta sobrando ambição, mesquinharia, falta de ética, estupidez, desinteresse, preconceito, intolerância e novas ideias.

terça-feira, 25 de outubro de 2011

Acredite em você

 E mesmo que meus passos sejam falsos, mesmo que os meus caminhos sejam errados,
mesmo que meu jeito de levar a vida incomode,
eu sei quem sou...
E sei pelo que devo lutar,
e se você acha que meu orgulho é grande, é porque nunca viu o tamanho da minha !
 
(Tião Carreiro)


Ter fé é acreditar é ter coragem de confiar, ser fiel a si mesmo. É ela é que nos move, nos faz sólidos, e nos ensina a amar e acreditar em nosso potencial.
Não me refiro da fé religiosa, da qual de uma forma ou outra se projeta e deposita esperança em uma força maior externa que vem dos ceus , falo da fé em si mesmo, da força de acreditar de agir de forma ativa buscando tudo o que se deseja. 
A Fé sem ação é morta portanto acredite, mas corra atras, lute, busque e  veja as portas se abrindo para todas as possibilidades.
Que a sua fé  não se abale jamais. Pois o maior segredo daqueles que atingiram o sucesso sempre foi acreditar muito em si mesmo.

domingo, 23 de outubro de 2011

A vida é sensivel


"Se tens um coração de ferro, bom proveito. O meu, fizeram-no de carne, e sangra todo dia..." 
( José Saramago) 

Poderia sangrar menos para alguns e mais para outros, mas sangrar... me responda você: A sensibilidade é uma dádiva ou um fardo?                                     
Não da para deixar  de  amar, chorar, sofrer, rir, viver intensamente por medo de sangrar. Um dia, você vai olhar para trás e vai ver tudo o que quase viveu ou poderia ter vivido e não viveu por esse medo; e essa dor será muito mais intensa do que todas as outras. É a coragem de mostrar sentimentos (que para muitos seriam sinal de fraqueza) que nos tornam cada dia mais fortes. Afinal quantos anos são necessários para recuperar um instante perdido?

sábado, 22 de outubro de 2011

Equilibrio: entre perdas e ganhos


“A vida não tece apenas uma teia de perdas mas nos proporciona uma sucessão de ganhos.
O equilíbrio da balança depende muito do que soubermos e quisermos enxergar.”
(Lya Luf) 



 

Somos nos os autores da nossa própria vida. 
Escolha o que deseja ser, decida qual caminho seguir . Abra seus olhos e veja mais adiante: nem tudo que é belo é bom e nem tudo que é mal é feio...o segredo  do equilíbrio esta em se aceitar com qualidades e defeitos ser tolerante com o que pode ser tolerado, assumir a culpa, a honra,  e a autenticidade.

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Um amigo



“…um amigo me chamou para ajudá-lo a cuidar da dor dele. Guardei a minha no bolso. E fui.”
(Caio Fernando Abreu)




 
Você já parou pra pensar quantas pessoas você tem na sua vida que são capazes de esquecer suas próprias dores para lhe ajudar a cuidar da com a sua? 
Se sua resposta for muitas. Parabéns você é uma pessoa privilegiada.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Parabéns pra você


          Existem momentos em nossas vidas, que jamais poderiam ser resumidos em simples palavras. Ao longo dos meus 20 e poucos eu fui pouco a pouco descobrindo verdades e realidades ao lado de uma super mulher que sempre esteve junto comigo em todos os momentos. Uma mulher que sempre me fez acreditar que tudo que se sonha e se deseja pode ser realizado, se buscado com determinação. Essa mulher me ensinou o que é ter educação, respeito, amor, entusiasmo pela vida. Essa mulher sempre teve seus braços e seus ouvidos sempre prontos a me amparar e a me ouvir independente do momento, da hora , ou da situação.  Foi minha amiga. meu recanto, meu consolo...se fez sincera e companheira sempre compartilhou de todas as alegrias e lagrimas que ja me vieram. Participou do meu crescimento, das minhas emoções, dos meus medos e talvez seja por isso que é a pessoa que mais me conhece. 
E hoje no aniversario dessa Mulher, Professora, Esposa e Mãe eu quero que você saiba que essa mulher tão especial em minha vida é você mãe; a melhor mãe do mundo! 
Tenho certeza de que fui presenteada por Deus com a honra de ter sido sua filha. Quero neste dia tão especial te agradecer, e te desejar o mais feliz de todos os aniversários, que Deus te abençõe, e te reserve todas as boas surpresas da vida; e que eu possa ser seu orgulho para poder retribuir a vida que  me ofereceu.
 
 
 
 
Feliz aniversário!  Te amo !

domingo, 16 de outubro de 2011

Recomece

Nasceste no lar que precisavas.
Vestiste o corpo físico que merecias.
Moras onde melhor Deus te proporcionou, de acordo com teu adiantamento.
Possuis os recursos financeiros coerentes com as tuas necessidades, nem mais, nem menos, mas o justo para as tuas lutas terrenas.
Teu ambiente de trabalho é o que elegeste espontaneamente para a tua realização.
Teus parentes, amigos são as almas que atraíste, com tua própria afinidade.
Portanto, teu destino está constantemente sob teu controle.
Tu escolhes, recolhes, eleges, atrais, buscas, expulsas, modificas tudo aquilo que te rodeia a existência.
Teus pensamentos e vontade são a chave de teus atos e atitudes... são as fontes de atração e repulsão na tua jornada vivência.
Não reclames nem te faças de vítima.
Antes de tudo, analisa e observa.
A mudança está em tuas mãos.
Reprograma tua meta, busca o bem e viverás melhor.
Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer Um pode Começar agora e fazer um Novo Fim.
(Chico Xavier)
 


Espero que o texto te inspire a iniciar mais uma semana: tentando corrigir as falhas, aceitando seus limites, reinventando a vida, e recomeçando sempre.

sábado, 15 de outubro de 2011

Dia do Professor

"Se não fosse imperador, desejaria ser professor. Não conheço missão maior e mais nobre que a de dirigir as inteligências jovens e preparar os homens do futuro."
(D. Pedro II)

FELIZ DIA DO PROFESSOR!
PARABÉNS MÃE POR TANTOS ANOS DE DEDICAÇÃO!

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Liberdade

"Tudo o que é desordem, revolta e caos me interessa;e particularmente as atividades que parecem não ter nenhum sentido. Talvez sejam o caminho para a liberdade. A rebelião externa é o único modo de realizar a libertação interior"
(Jim Morrison)
  O que causa transtorno nos impulsiona para a mudança; e toda revolução externa gera crescimento. Não é  com o  mal que aprendemos a fazer o bem; mas é com o bem que aprendemos a superar o mal. Não nos cabe ignorar e fingir; e sim olhar de frente a tudo o que há em nossa volta - superar o que é obscuro, renascer e viver para a tão sonhada liberdade.

quarta-feira, 12 de outubro de 2011

Depende de Nós

Depende de nós
Quem já foi ou ainda é criança
Que acredita ou tem esperança
Quem faz tudo pra um mundo melhor...
Depende de nós
Que o circo esteja armado
Que o palhaço esteja engraçado
Que o riso esteja no ar...
Sem que a gente precise sonhar
Que os ventos cantem nos galhos
Que as folhas bebam orvalhos
Que o sol descortine mais as manhãs...
Depende de nós
Se esse mundo ainda tem jeito
Apesar do que o homem tem feito
Se a vida sobreviverá...
(Ivan Lins)
 
Todos os dia nos  somos comtemplados com a opção de escolher que tipo de dia queremos ter: reclamar, espernear, chorar, se lamentar ou agradecer se entusiasmar, sorrir, recomeçar e ser feliz. Tudo depende com que olhos você vê o mundo, a maior parte da nossa felicidade depende da nossa atitude e não das circunstâncias. 

domingo, 9 de outubro de 2011

Amores e amores

Existe um tipo de amor que será eternamente abençoado; que é o amor destinado a nunca dar certo.
Veio forjado de fábrica, com um pé ainda em outra vida, já fadado ao fracasso. Poderia ter sido um contrato firmado antes mesmo do nascimento: essas pessoas irão nascer, olhar uma pra outra e apaixonar-se a primeira vista. Serão para sempre a doce memória um do outro, e dos momentos felizes, que ficarão destinados a permanecerem apenas momentos para todo o sempre. Porque este amor está fadado ao fracasso, e todos suspiram: que inveja!!!
Causas incontáveis vêm em auxilio dos amores destinados ao erro. Mudanças bruscas de plano de vida, de país, de projetos, busca de novos horizontes.
Outro mundo, outra religião, outra convicção política, a vida que encurtou antes do tempo.
A separação se instala em intensidade proporcional ao quão grande este AMOR veio ao mundo. Imagino o destino ditando a sentença: DECRETO QUE ESTE SERIA UM GRANDE AMOR, MAS NÃO O SERÁ, PORQUE É UM DESTES AMORES QUE NASCERAM COM O PLANEJAMENTO INVERTIDO. “JÁ EXISTE NELE O CARIMBO FATÍDICO.”
Que diferente seria se apenas o coração sofresse, a alma doesse, os corpos se separassem e a mente simplesmente esquecesse, e não se falasse mais nisso. Mas estes amores trazem consigo uma armadilha traiçoeira.
Os anos passam; os amores fracassados se desfacelam e seguem cada um o seu caminho. E encontram novos amores, não fadados ao fracasso, acreditam que a vida deu uma grande volta.
Acham que estão curados. E de repente, um cheiro invade o ar, uma música toca no rádio ao longe, e, incontrolavelmente, lá estão, todas de volta, as memórias do passado.
E percebe-se que o caminho que agora se trilha e que se crê amor, na verdade não o é seu. Seu grande amor foi aquele: O QUE ESTAVA DESTINADO A FRACASSAR.
O amor de verdade foi aquele que ficou ali, perdido naquele momento, naquela pessoa que foi embora e que a vida tornou tão distante.
Os anos passaram, tudo mudou, mas ficou impresso na alma um sabor que nenhum outro amor jamais recuperaria.
Triste seria, não fosse à sabedoria dos anos.
Os amores destinados a fracassar, são os amores mais abençoados que a vida poderia legar as poucas pessoas escolhidas. Histórias de amor tristes não são obra do acaso, são produtos de uma longa conspiração dos caminhos que a vida toma.
Primeiro trazem consigo a mais pura melodia, deixam à alma embriagar-se, e depois despejam um véu da noite, como uma névoa anestesiando os sentidos.
E todo está acabado. Os amantes inconformados culpam um ao outro pelo fim inesperado, enquanto a vida esconde-se sutilmente para despistar os desavisados de sua verdadeira culpa. Se pelo menos as vitimas dos amores fracassados compreendessem que nada poderiam contra este turbilhão!!
Que histórias de amor invejadas, estas histórias tristes!! Invejadas, porque são estes os amores mais sinceros, que deixam na alma uma marca que nada mais vai tirar. Cobiçadas, porque trazem consigo sentimentos que poucas pessoas têm a sorte de experimentar. “E ABENÇOADAS, PORQUE SÃO AS ÚNICAS HISTÓRIAS DE AMOR QUE ACABAM SEM ACABAR O AMOR, E SIM A HISTÓRIA”.




" Purifica o teu coração antes de permitires que o amor entre nele, pois até o mel mais doce azeda num recipiente sujo.
(Pitágoras)

sábado, 8 de outubro de 2011

As palavras

"A vida é assim, está cheia de palavras que não valem a pena, ou que valeram e já não valem, cada uma que ainda formos dizendo tirará o lugar a outra mais merecedora, que o seria não tanto por si mesma, mas pelas conseqüências de tê-la dito." 
 (José de Sousa Saramago)


         Extraída do livro: A Caverna, quem tiver a oportunidade de ler vale muito a pena esta cheio de frases lindas...um livro muito inspirador e reflexivo que fala sobre um misto de transformações entre pessoas, capitalismo, irrealidades, e comparativos de Platão com um mundo virtual e suas sombras.
       Palavras só deveriam ser proferidas após se ter a certeza de que são necessárias, essenciais e fundamentais. Sem tais certezas, elas se perdem e causam muito mais mal de que bem...

sábado, 1 de outubro de 2011

sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Quando Deus aparece

"Deus não está em promoção se exibindo por aí. Ele escolhe, dentro do mais rigoroso critério, os momentos de aparecer pra gente.  Não sendo visível aos olhos, ele dá preferência à sensibilidade como via de acesso a nós. Mas valorizo essas aparições como se fosse a chegada de uma visita ilustre, que me dá sossego à alma. "

(Martha Medeiros)

            

Acredito ser uma pessoa iluminada por sentir a presença Dele em todos os momentos da minha vida. Embora eu não tenha um religiosidade evidenciada , tenho fé, e acho que é por isso que Ele sempre se faz presente. 

Afinal de contas, Deus não esta no céu ou nas igrejas e sim no coração daqueles que acreditam.

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Geração canibal

" Virá o tempo em que as pessoas civilizadas olharão para trás com horror para a nossa geração e aqueles que a precederam: a ideia de comermos outros seres vivos que se movimentam em quatro patas, de os criarmos apenas para os matar! As pessoas do futuro dirão enojadas "comedores de carne!" e irão julgar-nos da mesma forma que julgamos os canibais e o canibalismo."

(Dennis Weaver)





quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Crônica do Amor


" Ninguém ama outra pessoa pelas qualidades que ela tem, caso contrário os honestos, simpáticos e não fumantes teriam uma fila de pretendentes batendo a porta. O amor não é chegado a fazer contas, não obedece à razão. O verdadeiro amor acontece por empatia, por magnetismo, por conjunção estelar. Ninguém ama outra pessoa porque ela é educada, veste-se bem e é fã do Caetano. Isso são só referenciais. Ama-se pelo cheiro, pelo mistério, pela paz que o outro lhe dá, ou pelo tormento que provoca. Ama-se pelo tom de voz, pela maneira que os olhos piscam, pela fragilidade que se revela quando menos se espera. Você ama aquela petulante. Você escreveu dúzias de cartas que ela não respondeu, você deu flores que ela deixou a seco. Você gosta de rock e ela de chorinho, você gosta de praia e ela tem alergia a sol, você abomina Natal e ela detesta o Ano Novo, nem no ódio vocês combinam. Então? Então, que ela tem um jeito de sorrir que o deixa imobilizado, o beijo dela é mais viciante do que LSD, você adora brigar com ela e ela adora implicar com você. Isso tem nome. Você ama aquele cafajeste. Ele diz que vai e não liga, ele veste o primeiro trapo que encontra no armário. Ele não emplaca uma semana nos empregos, está sempre duro, e é meio galinha. Ele não tem a menor vocação para príncipe encantado e ainda assim você não consegue despachá-lo. Quando a mão dele toca na sua nuca, você derrete feito manteiga. Ele toca gaita na boca, adora animais e escreve poemas. Por que você ama este cara? 
Não pergunte pra mim; você é inteligente. Lê livros, revistas, jornais. Gosta dos filmes dos irmãos Coen e do Robert Altman, mas sabe que uma boa comédia romântica também tem seu valor. É bonita. Seu cabelo nasceu para ser sacudido num comercial de xampu e seu corpo tem todas as curvas no lugar. Independente, emprego fixo, bom saldo no banco. Gosta de viajar, de música, tem loucura por computador e seu fettucine ao pesto é imbatível. Você tem bom humor, não pega no pé de ninguém e adora sexo. Com um currículo desse, criatura, por que está sem um amor?
Ah, o amor, essa raposa. Quem dera o amor não fosse um sentimento, mas uma equação matemática: eu linda + você inteligente = dois apaixonados. Não funciona assim.
Amar não requer conhecimento prévio nem consulta ao SPC. Ama-se justamente pelo que o Amor tem de indefinível. Honestos existem aos milhares, generosos têm às pencas, bons motoristas e bons pais de família, tá assim, ó! Mas ninguém consegue ser do jeito que o amor da sua vida é! Pense nisso. Pedir é a maneira mais eficaz de merecer. É a contingência maior de quem precisa."

(Arnaldo Jabor)

    O amor é composto de muitos sentimentos e uma mistura de  atitudes. Então  não fique parado esperando cair do céu, porque sinceramente contos de fada não existem...E mesmo que existissem são raros. Pense: porque é que o príncipe montado em um cavalo branco bateria na sua porta?  Há quem diga que o segredo esta em cuidar do jardim para que ele atraia as borboletas, então mãos a obra, arregasse as mangas e bom cultivo!